”Meu desafio é entrar no coração dos brasileiros com vacinas”, diz Queiroga em inauguração de hospital em Roraima

0
45

Ministro visitou unidades de saúde de Boa Vista nesta quarta-feira (2/6) e destacou a força do SUS na região.

A importância da vacina Covid-19 e da assistência prestada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) durante a pandemia foram destacadas pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante visita a Roraima nesta quarta-feira (2). Ele conheceu unidades de saúde de Boa Vista e participou da inauguração do Hospital do Amor, que será referência para tratamento de pacientes com câncer no estado.

“Como cardiologista e, particularmente, especialista em cateterismo do coração, eu entrei, durante mais de 20 anos da minha vida, no coração das pessoas com um cateter. E, hoje, o meu desafio é entrar no coração dos brasileiros com vacinas”, disse Queiroga.

O Hospital do Amor oferecerá os atendimentos oncológicos pelo SUS na capital roraimense e também prestará um serviço itinerante: um caminhão irá percorrer o estado oferecendo, de graça, serviço de mamografia para todos os municípios e comunidades indígenas. A instituição está vinculada ao Hospital de Barretos, em São Paulo, e será mantido pela Fundação Pio XII.

“A inauguração do Hospital do Amor representa o embrião do que pode ser o nosso sistema de saúde no futuro. O enfrentamento às doenças oncológicas, sobretudo o câncer de mama, que mais mata as mulheres, através de ações de busca ativa, que permite o diagnóstico precoce e, consequentemente, um tratamento menos sofrido e mais eficaz”, concluiu o ministro.

Queiroga também visitou um prédio em construção, que será anexo ao Hospital Geral de Roraima – a instituição é referência em todo o estado e possui 90 leitos de UTI Covid-19 autorizados pelo Ministério da Saúde. O novo espaço será inaugurado em até cinco meses para ampliar ainda mais a assistência à saúde da população local.

Marina Pagno/ Ministério da Saúde

Além disso, o ministro conheceu as dependências que abrigarão uma nova maternidade em Boa Vista. O espaço possui seis salas de parto e funciona ao lado do hospital de campanha que atende pacientes com Covid-19.

Fonte : Marina Pagno Ministério da Saúde. Foto: Marina Pagno/ Ministério da Saúde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui