Deputado Distrital Martins Machado sinaliza apoio aos professores temporários do Distrito Federal

0
740

Provas e concursos em meio a pandemia colocam em evidência a segurança que cada Estado possui. Se tratando da saúde dos candidatos existe neste período uma relação de maiores  responsabilidades devido a Pandemia.

Com a chegada do novo coronavirus É sabido dizer que todo Brasil tem acompanhando tudo o que se passa ao seu redor pelos veículos de comunicação como TV, Jornais, Revistas, Sites, Blogs e demais redes sociais que de um modo geral auxiliam nesta relação. 

Em Brasília, assim como no mundo o vírus chegou forte, mais com uma ação rápida do Executivo (Ibaneis Rocha), muitos foram salvos.

Toda medida de contenção para evitar a  disseminação do vírus é fundamental para que o nosso sistema de saúde não entre em colapso ocasionando sofrimento e mortes.

Por isso, muitos processos seletivos como concursos públicos estão sendo suspensos ou adiados de acordo com a lei que compete a cada estado, incluindo Brasília, tais ações tem sido vistas com bons olhos, evitando com isto um possível contágio pelo vírus pelo acúmulo de pessoas realizando provas.

LEIA TAMBÉM:

Deputado Federal Julio César Ribeiro declara total apoio aos professores temporários do Distrito Federal em tempos de pandemia.

Pensando nisto grupos de profissionais vem lutando por seus direitos se tratando de uma relação de perigo a saúde. Devo citar como exemplo os Estados de Minas Gerais onde a Justiça manda suspender o volta às aulas presenciais em Minas Gerais, ouve também prorrogação dos contratos temporários de professores no Ceará e de contratos da saúde no Rio de Janeiro entre outros mais Estados.

Sobre o assunto:

No período desta noite Dani Salomão e representantes dos Professores Temporário do Distrito Federal estiveram presentes na Câmara Legislativa junto ao Deputado Martins Machado (Republicanos), onde o parlamentar sinalizou total apoio aos profissionais da educação. Os professores buscam a prorrogação por mais 01 (um ano) do período de contrato temporário da SEEDF em consequência da pandemia.

*Imagem mídia: Dani Salomão e Representantes dos Professores temporários do Distrito Distrital em reunião com o Deputado Martins Machado (Republicanos). Medidas como uso de máscara e álcool em gel foram tomadas como ação preventiva de cuidados com a saúde de todos.

Está prorrogação por mais tempo é extremamente necessária, uma vez que já estará acontecendo por um mês e outra por conta do retorno esperado das aulas para 2021. Ressalta o grupo de professores.

O ano letivo na rede pública de ensino deve ser encerrado em 28 de janeiro de 2021. Conforme já anunciado pela Secretaria de Educação (SEE), mas a retomada, de forma não presencial NÃO:

Hoje em números não absolutos no Distrito Federal, são quase 11 Mil professores temporários a favor do Estado.

O Grupo também apresenta uma PETIÇÃO PÚBLICA em prol da causa contendo até a presente data o total de 3.845 (três mil oitocentos e quarenta e cinco) assinaturas em favor da prorrogação do período do contrato temporário dos professores da SEEDF:

Lembrando que as medidas de prevenção que os outros Estados estão a tomar neste momento, demonstra uma clara preocupação com os candidatos. E, é  muito importante manter o respeito por essas decisões tomadas pelo executivo local. Diz Dani Salomão.

Fonte: Blog Olhar Digital.