Obras em estações do metrô conscientizam sobre violência contra mulher

0
63
Criações das artistas Key Amorim e Ganjart podem ser vistas nas estações Praça do Relógio e Águas Claras e chamam a atenção para o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, celebrado neste sábado.

Murais de grafite com a proposta de alertar a sociedade sobre a naturalização de agressões contra a mulher chamam a atenção do público na capital federal. As obras, criações das artistas Key Amorim e Ganjart, estão disponíveis nas estações de metrô Praça do Relógio e Águas Claras, respectivamente. O trabalho – que busca chamar a atenção para este dia 25, Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres – faz parte da iniciativa “Não deixe ela virar paisagem”, realizada pelo Instituto Gloria, plataforma de transformação social que possui uma rede de apoio para combater o ciclo de violência contra mulheres e meninas e que conta com o apoio da Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF), por meio da Gerência de Projetos Especiais. A ação é executada pela agência Artplan.

Fonte: Agência Brasília