Cabeleireira do DF fingia ser delegada da PF: “Vou meter bala na tua cara”

0
540

Mulher, de 41 anos, postava fotos com uniforme da corporação em redes sociais e o usava até em festa para ameaçar pessoas.

Policiais da 18ª Delegacia de Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), em Brazlândia, encontraram, na manhã desta sexta-feira (13/11), um uniforme da Polícia Federal (PF) com uma cabeleireira que se passava por delegada da corporação nas redes sociais e até em festas. A mulher, de 41 anos, responderá em liberdade pelo crime de ameaça e contravenção penal ao se passar por funcionária pública.

As investigações começaram depois que a mulher, dizendo-se delegada da PF, tentou agredir uma jovem de 23 anos durante uma festa em Brazlândia, no mês passado. “Ela ficou ameaçando a vítima, ostentando armas de fogo entre suas pernas, dizia que era delegada da Polícia Federal, que a confusão não ia ficar barata e que ‘iria meter bala na sua cara’”, detalha o delegado da 18ª DP, Roney Marcelo.

LEIA TAMBÉM:

Coluna – Dani Salomão| Nada é questão de pele. Mas tudo é questão de respeito e justiça ao próximo.

Em um dos endereços vinculados à acusada, um salão de beleza, os agentes apreenderam uma camisa com o símbolo da PF. “Essa mulher, na verdade, tem um salão de beleza na região administrativa de Samambaia e nunca pertenceu aos quadros da Polícia Federal”, conclui o delegado.

Fonte: Metrópoles.