Secretaria Extraordinária da Família: Deputado Martins Machado, Dani Salomão e projeto ‘ Instituto Aprecia ‘ para população em 2021

0
717
A Secretaria Extraordinária da Família surgiu através do Decreto nº 41.245 com o intuito de enfrentar problemas sociais como violência e desemprego.

A família é o agente educativo de maior impacto social, já que se constitui no berço da ética individual e das relações pessoais, onde o respeito pelo outro se enraíza ao ponto de se poder evoluir independente das circunstâncias. Até por que toda situação e possível de mudança diante do que você espera de si mesmo sempre.

Este núcleo chega para propor soluções de reconstrução familiar neste período preocupante em que o mundo tem vivido. Com o objetivo claro de auxiliar de maneira efetiva estas pessoas.

“ Neste momento no âmbito familiar em tempos de pandemia causada pelo Novo Coronavirus , muitas situações negativas ocorrem no seio destas famílias. “

A exemplos como o aumento da violência doméstica, uso de drogas e desemprego visível.

O Tocante dos projetos sobre o tema:

Ontem (27), o projeto Instituto Aprecia foi conduzido e apresentado por Dani Salomão ao Deputado Distrital Martins Machado (Republicanos), Com a expressão do caráter do projeto apresentado, o parlamentar sinalizou apoio ao mesmo com destinação de emenda parlamentar.

LEIA TAMBÉM:

Deputado Federal Júlio César: O artesanato é uma raiz muito importante em nossa capital federal.

SEEDF/GDF/PANDEMIA: Desembargador derruba decisão de retorno às aulas na rede pública.

O mesmo será um dos primeiros projetos para o ano de 2021 que estará ativo para servir a população do Distrito Federal, tendo o seu início em duas cidades satelites ja apontadas por Dani Salomão e que brevemente serão anunciadas pela Secretaria Extraordinária da Família. 

O projeto Visa o desenvolvimento humano, social e econômico em comunidades com vulnerabilidades. Esta vertente pública vem a representar um grande e profundo papel positivo na sociedade nos dias de hoje, onde está real necessidade existe. Diz Dani Salomão.

Edificar uma sociedade a margem da família é  algo que temos que mudar realmente pois este é o alicerce inicial do processo de desenvolvimento pessoal e capaz de um ser humano seguro de si que vem a ser tornar o grande divisor de águas para qualquer instituição familiar. Completa.

A Secretaria Extraordinária da Família investirá no núcleo familiar tendo com sigo a capacidade em autogestão rumo ao bem comum. 

A Secretaria foi criada e hoje o seu papel e constituir de fato, uma estrutura inédita na capital federal, projetando e investindo no essencial as famílias, já que muitos problemas sociais podem ser claramente evitados, isto desde o preconceito, à violência, desiquilíbrios afetivos, uso de drogas e outros subterfúgios nocivos.

Dessa forma podemos levar a mudanca mais do que necessária para muitas famílias renovando a sua infraestrutura familiar com base em nossos atendimentos. Diz Marcela Parsonr chefe de Gabinete da Secretaria de Extraordinária da Família.

Fonte: Blog Olhar Digital.